Bem-vindo ao fórum das grandes máquinas.Boas transalpadas! - TransMondego 2017 - 29 e 30 julho - Vais faltar?

10º Portugal Lés a Lés

Compartilhe
avatar
Boggas
Mota ligada
Mota ligada

Número de Mensagens : 93
Masculino
Idade : 32
Data de inscrição : 13/03/2009

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Transalp
Kms:

10º Portugal Lés a Lés

Mensagem  Boggas em Sex 20 Mar 2009, 21:17

Boas,
No ano passado a convite do Tó Xico foi fazer a maior prova de Mototurismo da Europa, são 1000km em estradas secundárias, terra batida, areia, lama e rios... muita dureza e diversão a mistura.
Em 2008 comemorou-se a 10º edição do evento onde o percurso foi igual da 1º edição ou seja de Bragança a Sagres (nas primeiras edições era 1000km em 24horas).
Foi para mim uma excelente oportunidade para conhecer locais perdidos do meio do nada e que de outra forma nunca os iria visitar e admirar. No dia das verificações técnicas (1º dia) efectuamos um prólogo de 70km pela Serra do Montezinho onde visitamos Rio de Onor a única Aldeia Ibérica ainda existente, percurso muito giro onde a única coisa que estragou foi a chuva que não parava de cair.
No dia seguinte lá estávamos nós (1000 motas) prontos a arrancar do palanque instalado no Castelo onde fomos directos a Vimioso, Algoso e Freixo de Espada a Cintra onde entramos na zona do Douro Internacional. Nesta zona vi umas das mais lindas paisagens que alguma vez vi, a descida para o douro é simplesmente incrível onde somos sempre acompanhados pelo Rio Douro. Deixamos Trás dos Montes para trás e entramos na Beira Alta onde almoçamos na bela localidade de Pinhel. A chuva volta nesta altura e nós a caminho de Celorico da Beira e Seia já na Serra da Estrela mas este ano não fomos a Torre, seguimos para Oliveira do Hospital para o Vale do Alva onde lanchamos em S. Gião. A primeira etapa estava quase a acabar mas ainda faltava uns kms até Coimbra, fomos sempre pelas encostas da Serra até Vila Nova de Poiares onde encontramos o Rio Mondego. Antes de terminar ainda tivemos tempo para passar nos arrozais do Mondego.
A 2 Etapa teve inicio no Estádio da Cidade de Coimbra onde seguimos para o Castelo de Ourém, chegando ao Castelo as 8 da manha toma-mos o pequeno-almoço já a caminho de Torres Novas onde passamos na Golegã em direcção a Brotas no concelho de Mora onde almoçamos e esticamos as pernas. Agora é que começava a parte mais engraçada e divertida do Lés a Lés os estradões de terra batida Very Happy . Chegamos a Grândola onde largamos o alcatrão e entramos num estradão com 12km onde o ponteiro do conta-quilómetros bateu nos 120km/h. Chegamos a Odemira através de uns caminhos de terra no meio da Serra do Cercal com uma paisagem do sudoeste Alentejano fantástica onde atravessa-mos uma ribeira que deu muita risada e emoção. Depois de termos "lavado" as motas seguimos em direcção da Serra de Monchique onde aprendi como se curvava Laughing e fomos em direcção a Vila do Bispo. Neste momento já só queria um sofá para esticar as perninhas Laughing mas já estava a chegar a Sagres onde terminava a aventura.
Foi uma experiência fantástica, onde conheci locais lindos e consegui testar a minha resistência e limites da Transalp. Quando soube que nas primeiras edições faziam os 1000km em 24h horas sem parar fiquei com vontade para fazer novamente mas nesse formato.

Deixo umas fotos da Aventura e espero que gostem e que este ano tenha companhia Rolling Eyes

























    Data/hora atual: Qua 26 Jul 2017, 18:34