Bem-vindo ao fórum das grandes máquinas.Boas transalpadas!

Estacionar no passeio

Compartilhe
avatar
claudio gil
2º engrenada
2º engrenada

Número de Mensagens : 240
Masculino
Idade : 30
Data de inscrição : 09/12/2009

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL650V/2000
Kms: 32500

Estacionar no passeio

Mensagem  claudio gil em Dom 13 Jun 2010, 23:31

Então é assim, onde é que vocês costumam deixar a vossa máquina??
Até que ponto é que a policia pode deixar passar em claro as motas estacionadas em cima do passeio?
Pegunto isto, porque na semana passada, como acontece todos os dias de manha, deixo a moTA à porta do trabalho em cima do passeio (bastante largo, onde não dificulta a passagem de ninguem). Na 2ª feira passada lá estava um GNR a olhar para a bela da TA. Quando me chamaram à atenção lá fui eu mas ele já nao estava lá. Com receio, meti a moTA para dentro do portão. Passados uns minutos estava lá um funcionario da camara a dizer que não podia ter a mota lá dentro porque não tinha nenhuma rampa para poder subir (cheira-me que estou a ser perseguido). A minha questão é a seguinte: Somos obrigados a deixar as motas nos lugares destinados aos enlatados? Podemos deixar em cima do passeio? É que onde eu costumo deixar a minha não tem lugares para motociclos e eu fico com receio em deixá-la nos lugares de estacionamento e quando chegar ela estar tomabada..
Ora contem lá as vossas experiências em relação a isto...
Cumprimentos
avatar
TodayAdventure
5ª a Fundo
5ª a Fundo

Número de Mensagens : 893
Masculino
Idade : 52
Data de inscrição : 01/09/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Africa Twin XRV 750 RD07a
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TodayAdventure em Seg 14 Jun 2010, 08:19

claudio gil escreveu:
Até que ponto é que a policia pode deixar passar em claro as motas estacionadas em cima do passeio?

Até ao que a sua vontade permitir.

É muito simples. O passeio é uma zona pedonal e é proibido a qualquer veículo estacionar nele. O que existe é uma cultura de permissividade em relação ao estacionamento de motos. A maior parte das vezes não se multam motos no passeio. Mas unicamente porque é tolerado, não porque seja legítimo. Se os peões decidissem estacionar na estrada quando quisesses rolar também não achavas piada, provavelmente.

Usa o bom senso. Há locais em que estacionar no passeio não é intrusivo nem há presença policial. Nestes eu arrisco. Noutros, é incómodo para os peões ou há muito policiamento e nestes eu estaciono nos lugares "normais" (como os outros veículos).

Quando ando na minha minúscula scooter, estaciono com muita frequência num cantinho discreto do passeio (o que é muito fácil com um veículo tão pequeno). É uma das vantagens! Smile Com as motos grandes subo com menos frequência o passeio. Nunca fui multado por mau estacionamento numa moto.

Zé Paulo.


=================================================================================================================


----
https://facebook.com/todayadventure || Scooting in Dreamland - THE MOVIE: http://www.vimeo.com/7261172
PIZZA BOY GOES to the SAHARA - The Teaser: http://vimeo.com/9439960
avatar
RainMaker
Moderador
Moderador

Número de Mensagens : 1739
Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 13/02/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL650V RD10
Kms: 60.000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  RainMaker em Seg 14 Jun 2010, 08:52

Boas,

eu, por norma, costumo tentar deixar a TA em cima do passeio, encostada a uma parede de forma a não dificultar a circulação dos peões, quando o passeio não o permite tento deixar entre dois carros que tenham espaço suficiente entre eles para manobrar sem tocarem na TA, como tenho alarme em que sou avisado no comando caso alguém toque na mota sempre ficou mais descansado um pouco, pois também nunca ando muito longe da moTA.

No entanto as autoridades também podem ajudar ou não, comigo passou-se o seguinte caso.

Um dia numa rua de sentido único pára à minha frente um carro da PSP para falar com dois agentes que iam a andar no passeio, como não tinha espaço para passar, esperei que terminassem de falar os assuntos do trabalho deles passado aí cerca de um minuto a conversa termina e eu e o resto da fila começa a andar, passados cerca de 50 metros estaciono num largo aí com cerca de 10 x 20 metros, completamente vazia.
Paro a moTA e vejo pelo canto do olho os dois agentes parados no outro lado, olho para lá directamente e começam a olhar para o lado.
Pensei imediatamente "hummmm estão preparados para me fazer a folha", arrumo tudo na mota, blusão, capacete, luvas e vou ter com eles, "posso deixar aqui a mota por 5 minutos enquanto vou aqui a esta loja do outro lado do largo ?" , resposta imediata "o Sr. já sabe que não pode deixar aí o veículo, que é proibido, é melhor retirar imediatamente a mota senão teremos de o autuar!"
Tive vontade de dizer muitas coisas, mas com uma resposta daquelas vi que não valia a pena, aliás, pela experiência que tenho, não vale a pena falar com (quase todos) os elementos da autoridade, para eles, a lei deve ser cumprida, escrupulosamente, pelos outros, e não há argumento que se possa usar que valha a pena, ou são simpáticos e acedem à primeira, ou então não há volta a dar.
Nesta situação tenho quase a certeza absoluta que estavam à espera que eu me afasta-se da mota para me afiambrarem com um recibo para ir deixar a minha dízima ao Estado, o que, na minha opinião, iria ser pura maldade, pois deviam tomar a iniciativa de dizer que não iam permitir que eu estacionasse ali, e não agir à má fé.
Mas isto é só a minha opinião... e em todo o lado e profissões há pessoas boas e más, acho é que nós, Portugueses não sabemos muito bem lidar com o poder Smile

RainMaker


=================================================================================================================

Voltinha por Portugal Setembro 2010

Italy Calling 2009

http://italycalling.blogspot.com/
avatar
TodayAdventure
5ª a Fundo
5ª a Fundo

Número de Mensagens : 893
Masculino
Idade : 52
Data de inscrição : 01/09/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Africa Twin XRV 750 RD07a
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TodayAdventure em Seg 14 Jun 2010, 09:20

Rain,

Essa é uma bela história de cultura portuguesa. Smile As coisas por aqui têm uma forma sui generis de se fazerem. E, desculparás, Rain, tanto é patusca a autoridade como o cidadão comum. Very Happy Patusco o cidadão que acha que tem direito a uma "tolerância dos 5 minutos" e a autoridade que, geralmente tolerante perante pequenas infracçõezinhas como a que descreves, de vez em quando se afiambra a uma multazita quando está de mau humor e de tolerância zero. Pergunto: não tinhas um cantinho perto para estacionar legalmente, já que os gajos andavam por perto? Perde-se mais um minuto ou dois de moto para estacionar mais adiante, só isso. No caso da tua história acho que os polícias até agiram com correcção. O que estamos todos é habituados a uma cultura da "pequena tolerância" e quando ela falha achamos-nos "injustiçados" pelos "maus profissionais". Da parte da polícia a coisa é igualmente caricata: ignoram em geral repetidas vezes estas pequenas infracções e de vez em quando "acordam" e desatam num frenesim de "maldade", multando todos os violam a lei. Very Happy

Outro bom exemplo de uma "pequena infracção" em que isto acontece é a condução de moto por entre os carros!

Eu também não gosto de ser multado, sobretudo em circunstâncias semelhantes à tua, mas tenho de aceitar sem lamentos, se algum dia um polícia "acorda" e decide multar-me quando prevarico. A verdade pura e simples é que estou em infracção. É um pequeno jogo, este que jogamos. De vez em quando perdemos e há que manter o humor. Sempre que estaciono em cima do passeio, sei ao que me candidato e aceito perder. A minha única preocupação é estacionar num local tão "morto" quanto possível, que não é corredor de passagem para peões. Porque acham que na Alemanha o trânsito é ordeiro? Porque há mesmo multas e isso molda a cultura (e vice-versa, a cultura molda comportamentos). Vivi dois anos em Munique e de todas as (poucas) vezes que estacionei indevidamente (de carro) fui sempre multado.

Zé Paulo.


=================================================================================================================


----
https://facebook.com/todayadventure || Scooting in Dreamland - THE MOVIE: http://www.vimeo.com/7261172
PIZZA BOY GOES to the SAHARA - The Teaser: http://vimeo.com/9439960
avatar
Transouto
O Pai do Forum
O Pai do Forum

Número de Mensagens : 5386
Masculino
Idade : 41
Data de inscrição : 11/09/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Transalp XL 650 V/2006 /Africa twin 2016
Kms: 32 000 km(+ 100 000km) /17 000km

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Transouto em Seg 14 Jun 2010, 09:28

Eu partilho das vossas opiniões, no entanto também uso uma ploítica defensiva...estaciono quando suponho que não há problemas, no entanto vai depender sempre de váruios factores e nomeadamente, agentes, que como seres humanos que são têm o seu "feitio" e personalidades próprias.....

V


=================================================================================================================

Transalp é Transalp e mai nada..

santosam
3ª engrenada
3ª engrenada

Número de Mensagens : 387
Masculino
Idade : 46
Data de inscrição : 08/11/2009

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL 700 VA Transalp '08
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  santosam em Seg 14 Jun 2010, 10:37

Este assunto faz parte, no meu ponto de vista, do mito urbano da maior mobilidade dos veículos de 2 rodas. Efectivamente, o que o Código diz é que nos temos de comportar como se de um veículo de 4 rodas fossemos, incluindo no que toca ao estacionamento.
Um dos meus locais de trabalho é uma Esquadra da PSP e deixo sempre a TA estacionada como se de um veículo ligeiro se tratasse... como chego antes das 8 há sempre lugar à porta. Quando lá passo durante o dia, costumo encostar a TA a um muro de um passeio largo. Uma vez um colega meu estacionou a mota dele no passeio "à grande" e um cidadão foi logo fazer queixa à esquadra (e bem, estava a incomodar os peões).

Um aparte sobre a nossa condição de portuga: é proibido levar "passageiros" nos tractores, mas toda a gente leva os filhos e os netos em cima da roda traseira, por exemplo. Depois acontecem os acidentes e as crianças ficam esmagadas debaixo da roda, como já vi. É a velha história do: é só daqui a casa, são 5 minutos, é já ali, etc, etc, etc... As crianças nos carros no banco da frente ou no colo de quem vai à frente então é todos os dias...

petrustejus
1ª engrenada
1ª engrenada

Número de Mensagens : 166
Masculino
Idade : 42
Data de inscrição : 11/04/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XLV 700 VA/2011
Kms: 5000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  petrustejus em Seg 14 Jun 2010, 11:14

Boas

A mim também já me aconteceu levar uma multa por ter a mota estacionada em cima do passeio, apesar de ser numa zona "morta" que nao incomodava absolutamente ninguém, e por várias vezes falei com cerca de 4 GNR's em momentos diferentes e justifiquei que tinha a mota ali, por um lado para nao "roubar o lugar a um carro e por outro lado para nao correr o risco de um dia ter a mota tombada por ter estacionado entre carros e nalguma manobra um condutor atirar com a mota ao chão, todos os 4 aceitaram a justificação e disseram-me que apesar de nao ser permitido seria um mal menor e que nao causava transtornos nem a peoes nem a outras viaturas, uma vez que a mota ficava no passeio mesmo por trás do ultimo carro estacionado, logo nao interfiria com a rota dos peões pelo passeio, mas lá está, isto é um meio pequeno e toda a gente se conhece, acontece que um dia apareceu um GNR com o qual nunca havia falado, mas que é conhecido pelo seu mau feitio (nem o sogro dele se escapou uma vez, mas isso custou-lhe um valente murro na tromba, dado pelo próprio sogro...esta é para rir), um dia lá me chega uma multa de 30 euros para pagar, paguei e aceitei, daí em diante comecei a estacionar a mota num lugar para carro (já que somos equiparados a eles) sem sequer me preocupar em deixar a mota na transversal, deixo mesmo na longitudinal a ocupar o lugar todo pois tenho esse direito uma vez que nao existem estacionamentos apropriados para motociclos, e se algum condutor de algum carro me diz alguma coisa, argumento com o facto de as motas por serem consideradas bem de "luxo" pagam tanto ou mais IUC que a maioria dos carros, por isso posso estacionar onde quiser e como quiser, afinal aquilo é um lugar, seja para mota seja para carro...

Mas ainda tive outra situação semelhante, desta vez com o carro, fui um dia almoçar a sintra e estacionamentos por lá nao é coisa que abunde, entretanto vi mtos carros estacionados em frente à Quinta da Regaleira, com um rodado em cima e outro fora do passeio, acontece que ao estacionar estava um GNR numa scooter perfeitamente identificada mesmo a 2 metros do meu carro quando estava a estacionar, como nao me alertou, pensei que era "tolerável" aquele acto e uma vez que se encontravam lá mais carros estacionados, quando regresso do almoço estava então uma patrulha da GNR na curva a fazer fiscalização, assim que entro no carro vem um (que nao era o condutor da scooter) ter comigo e pediu-me os documentos e a seguir disse-me: o Xôr bai xer autuado...e eu disse-lhe, mas olhe que eu agora nao estou estacionado, ´já me encontro dentro da viatura, logo "parado" o que é permitido, e ele disse: mas o seu carro já está estacionado aí há mais de hora e meia, e eu respondo: pois...mas quando estava a estacionar o seu colega nao me advertiu para o facto de nao ser permitido estacionar ali...entretanto confrontado com o colega...um jovem GNR com a tesão do Mijo...ainda ficou todo ofendido a dizer-me que eu nao tinha nada que o ensinar a fazer o trabalho dele...o unico que foi cordial foi justamente aquele que se dirigiu ao carro...os outros mais novos todos escrespados com as perguntas que eu lhes estava a dirigir...vi que nao valia a pena falar para as paredes e lá paguei a multa, entretanto quando cheguei a casa fui consultar a legislação, nomeadamente a lei organica da GNR ao que diz na alinea no artigo das funções da GNR alinea a) - zelar pelo cumprimento da lei...ora a interpretação que disto faço é que está nas funçoes deles advertir os cidadãos aquando do risco de incumprimento, para que nao infrinjam...mas a politica parece que é mais a do: deixa-os pousar que a malta já os castiga...ou seja, ele quando me viu em vias de cometer a infracção devia ter-me alertado para nao o fazer, penso que isso é que é zelar pelo cumprimento da lei, e nao o que ele fez, deixou-me estacionar apesar de eu saber perfeitamente que estava a fazê-lo em cima de um passeio, e depois espetou-me a dita multa.

Abraços
avatar
TodayAdventure
5ª a Fundo
5ª a Fundo

Número de Mensagens : 893
Masculino
Idade : 52
Data de inscrição : 01/09/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Africa Twin XRV 750 RD07a
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TodayAdventure em Seg 14 Jun 2010, 11:46

petrustejus escreveu:nomeadamente a lei organica da GNR ao que diz na alinea no artigo das funções da GNR alinea a) - zelar pelo cumprimento da lei...ora a interpretação que disto faço é que está nas funçoes deles advertir os cidadãos aquando do risco de incumprimento, para que nao infrinjam...mas a politica parece que é mais a do: deixa-os pousar que a malta já os castiga...ou seja, ele quando me viu em vias de cometer a infracção devia ter-me alertado para nao o fazer, penso que isso é que é zelar pelo cumprimento da lei, e nao o que ele fez, deixou-me estacionar apesar de eu saber perfeitamente que estava a fazê-lo em cima de um passeio, e depois espetou-me a dita multa.

Podes sempre desejar que a postura da polícia seja mais pedagógica e menos sancionadora e teres um avisozinho antes da multa, para poderes sair de lá sem seres "castigado", mas para teu próprio bem, não leves a tua interpretação da lei muito a sério. Sob o ponto de vista legal não tens qualquer hipótese de alegar desconhecimento da lei ou atenuantes pelo facto de outros agentes não te terem multado antes, ou a toleranciazinha da praxe, etc. Se é proibido estacionar, estás sempre sujeito a ser multado, por muito que a forma de proceder (tão característica cá da terra) te irrite. Se não há lugar à porta, podes sempre estacionar mais adiante. É uma questão de "mind set".

Eu vejo isto (como muitas outras coisas) de dois pontos de vista: legal e moral. Do ponto de vista moral, não fico muito incomodado se estacionar num local em que não cause qualquer incómodo à circulação dos peões, que têm tanto direito a circular bem a pé como eu de moto. No entanto, do ponto de vista legal, sei que nunca terei qualquer razão sempre que subo o passeio, seja o polícia tolerante ou "daqueles maus".

Para o Santosam, o "mito da mobilidade urbana das 2 rodas" não me parece em causa por uma moto se ter que comportar como um veículo de 4 rodas. Será sempre um veículo muito mais pequeno, que descongestiona o trânsito nas cidades, ocupa menos espaço (legalmente) estacionado, e esse potencial ainda é mais elevado em cidades que tomam opções inteligentes como deixar que as motos circulem nos corredores dos bus(es), por exemplo.

Zé Paulo.


=================================================================================================================


----
https://facebook.com/todayadventure || Scooting in Dreamland - THE MOVIE: http://www.vimeo.com/7261172
PIZZA BOY GOES to the SAHARA - The Teaser: http://vimeo.com/9439960

santosam
3ª engrenada
3ª engrenada

Número de Mensagens : 387
Masculino
Idade : 46
Data de inscrição : 08/11/2009

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL 700 VA Transalp '08
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  santosam em Seg 14 Jun 2010, 12:34

TodayAdventure escreveu:

Para o Santosam, o "mito da mobilidade urbana das 2 rodas" não me parece em causa por uma moto se ter que comportar como um veículo de 4 rodas. Será sempre um veículo muito mais pequeno, que descongestiona o trânsito nas cidades, ocupa menos espaço (legalmente) estacionado, e esse potencial ainda é mais elevado em cidades que tomam opções inteligentes como deixar que as motos circulem nos corredores dos bus(es), por exemplo.

Zé Paulo.

Caro Zé Paulo,
pois tens toda a razão, em cidades como Barcelona, por exemplo, a mobilidade é real. Eu que não tinha experiência e comecei agora a andar de mota verifiquei que muitas das manobras ou acções que nos tornam mais móveis afinal são infracções à lei :-)
avatar
TrAnsAlper
Admin
Admin

Número de Mensagens : 8304
Masculino
Idade : 45
Data de inscrição : 11/09/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Ex-TrAnsAlp XL 650 V
Kms: 63.000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TrAnsAlper em Seg 14 Jun 2010, 12:42

Bom tópico!
Bom, eu tento usar a regra do bom senso.Estaciono muitas vezes em cima do passeio desde que isso não perturbe quem precisa de utilizá-lo.É raro utilizar o local de estacionamento de carro para estacionar a TA...mas se tiver que ser.
Normalmente a "jogar em casa", ou seja em Viseu e em Coimbra estou mais ou menos à vontade e sei onde posso ter a motA no passeio sem que me deixem lá o "bilhetinho".Noutros locais já "estudo" melhor o local onde estacionar.
Também já levei uma multa de estacionamento de mota (Virago), não por estar em cima do passeio, mas por estar em zona de estacionamento proibido.Uma zona de bares à noite, na qual eu sabia que era proibido estacionar mas onde estavam algumas dezenas de carros nessa noite.Arrisquei e...de repente chegou a PSP e foi a eito! Não protestei a multa (9,98€) porque ainda me mandavam soprar ao balão...e aí ia preso!
Com essa mesma mota aconteceu uma vez estacioná-la num lugar de automóvel (não tinha alternativa) e um "jipe" que estava estacionado à frente, ao fazer marcha atrás deitou-a ao chão.

Enfim...experiências que nos vão fazendo aprender.
O ideal é mesmo estacionar as moTAs no parques próprios.Mas nem sempre é possível.Não sei como é nas vossas cidades/vilas mas aqui não tenho razão de queixa.No centro da cidade conto pelos menos uns 5 parques só para motos).Cabendo em cada parque destes uma média de 5 motos.Basicamente são alguns lugares exclusivos para duas rodas entre os lugares dos automóveis.
Menos mal...

Um abraço e boas transalpadas.


Última edição por TrAnsAlper em Seg 14 Jun 2010, 13:58, editado 1 vez(es)


=================================================================================================================

   Ondavis-Viseu
"Não sei para onde vou mas estou a caminho!"
avatar
TodayAdventure
5ª a Fundo
5ª a Fundo

Número de Mensagens : 893
Masculino
Idade : 52
Data de inscrição : 01/09/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Africa Twin XRV 750 RD07a
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TodayAdventure em Seg 14 Jun 2010, 13:27

santosam escreveu:
TodayAdventure escreveu:

Para o Santosam, o "mito da mobilidade urbana das 2 rodas" não me parece em causa por uma moto se ter que comportar como um veículo de 4 rodas. Será sempre um veículo muito mais pequeno, que descongestiona o trânsito nas cidades, ocupa menos espaço (legalmente) estacionado, e esse potencial ainda é mais elevado em cidades que tomam opções inteligentes como deixar que as motos circulem nos corredores dos bus(es), por exemplo.

Zé Paulo.

Caro Zé Paulo,
pois tens toda a razão, em cidades como Barcelona, por exemplo, a mobilidade é real. Eu que não tinha experiência e comecei agora a andar de mota verifiquei que muitas das manobras ou acções que nos tornam mais móveis afinal são infracções à lei :-)

É verdade que sim, que algumas são objectivamente infracções (toleradas), mas nem todas. Não obstante isso, a moto continua a ser uma excelente e inteligente solução de mobilidade, quer globalmente para uma cidade, quer para os proprietários. Felizmente há gente com capacidade de decisão que compreende isto e encontra formas de fazer com que estas infracções deixem de o ser: os parques para motos (gratuitos! Smile ) em Lisboa de que fala o Transalper, os corredores de bus para as motos em Barcelona para evitar a infracção (e o perigo) de circulação entre os automóveis. Quanto mais estas vantagens são compreendidas, mais são criadas condições para não agredir e até tornar mais cómodas e seguras certas vantagens da moto (estacionamento e circulação privilegiada).

Eu prefiro não falar nestes aspectos só como infracções, um palavrão que tem tanto de verdadeiro como de demasiado pesado. É verdade que são objectivamente isso perante a lei e não vale a pena discutir ou chamar mauzão a um agente da autoridade se ele quiser multar-nos. Ele tem razão. Mas olhando com cuidado para a coisa, uma moto ou outra num cantinho do passeio claramente fora das linhas de passagem de peões, sem ocupar um precioso lugar numa cidade com falta de lugares de estacionamento, faz realisticamente mais bem do que mal. Da mesma forma, andar de moto entre os carros, podendo ser um exercício muito perigoso em certas circunstâncias, feito com cuidado, tem um risco mínimo. Eu cometo ambas as infracções de vez em quando, fi-lo em pelo menos três países onde vivi (e há locais onde é muito pior do que em Portugal!) e nunca fui multado nem nunca tive qualquer acidente daí resultante.

Se não me parece haver muito a contestar num agente da autoridade que decide aplicar a lei, podemos e devemos contestá-la ou propor a sua modificação nos locais próprios. Lei é lei mas nem sempre é actual ou inteligente. Os catalães tornaram uma infracção legal (pondo as duas rodas num corredor de bus onde antes eram proibidas) e o município de Lisboa começou a "dar" estacionamento gratuito às motos, reconhecendo as vantagens do uso das duas rodas e criando condições para evitar o estacionamento indevido em locais mais "críticos").

Querem saber de um verdadeiro GNR fdp? Uma historinha... Há uns bons anos, vendi a minha Pan 1100 a um tipo da Charneca da Caparica. Combinamos eu ir mostrar-lhe a moto quando fui a Lx. Tinha a morada dele, num bairro residencial muito calmo. Sabia onde era, mas a rua exacta, não. Quando cheguei ao bairro, parei a moto e telefonei-lhe a perguntar a rua exacta e o número da porta. Ele deu-me as instruções; muito fácil, estava a 200 metros. Estava um calor abrasador e quando acabei o telefonema, não me apeteceu voltar a enfiar o capacete encharcado em suor, pu-lo no braço e arranquei para aqueles 200 metros finais. Assim que andei os primeiros metros apareceu (de onde?) um jipe da GNR a mandar-me parar. Estavam parados e eu simplesmente distraído, nem os vi. Percebi logo o que me ia acontecer e nem contestei a multa. Disse-lhes que ia andar apenas 200 metros e até que ia vender a mota ao morador, à laia de explicação para a minha infracção. Resposta de um deles: "Ai vai vender a mota? Então vai levar aqui uma recordaçãozinha", enquanto escrevia o papelinho da multa... É claro que eles tinham toda a razão em me multar. Ponto final. Mas o que aconteceu, para além disso, foi que decidiram usar a posição de autoridade para fazer uma chalaça de mau gosto. Isto eu chamo de mau profissionalismo. Mas não me posso queixar. Há disto muito muito pior no mundo, como podem adivinhar de relatos de viajantes por esse mundo fora. Conheci um viajante (um professor/investigador amigo) a quem, no Chade, os polícias (sim, os polícias!) lhe apontaram uma arma à cabeça para roubarem o dinheiro que trazia com ele.

Zé Paulo.


=================================================================================================================


----
https://facebook.com/todayadventure || Scooting in Dreamland - THE MOVIE: http://www.vimeo.com/7261172
PIZZA BOY GOES to the SAHARA - The Teaser: http://vimeo.com/9439960
avatar
claudio gil
2º engrenada
2º engrenada

Número de Mensagens : 240
Masculino
Idade : 30
Data de inscrição : 09/12/2009

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL650V/2000
Kms: 32500

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  claudio gil em Seg 14 Jun 2010, 18:44

TrAnsAlper escreveu:O ideal é mesmo estacionar as moTAs no parques próprios.Mas nem sempre é possível.Não sei como é nas vossas cidades/vilas mas aqui não tenho razão de queixa.No centro da cidade conto pelos menos uns 5 parques só para motos).

Ora aí está. Eu no meu local (vila)de trabalho existem ZERO parques de estacionamento para motas. Quando há lugar (de um carro) para estacionar a mota, não hesito, mas sempre na longitudinal para evitar aquelas pessoas que olham para a mota estacionada na transversal a ocupar so um bocadinho do lugar e pensam "ah, se calhar até cabe" e quando lá vão tentar passados 3 segundos está a mota no chão. Apesar de que também é mais dificil tombar a mota de ela tiver na longitudinal. Como disse o nosso amigo Petrustejus, pagamos tanto ou mais IUC do que um carro, por isso temos todo o direito de estacionar a mota a ocupar um lugar. Só deixo a mota em cima do passeio em ultimo recurso e nesse dia lá estava um GNR a olhar para ela num sitio onde não incomodava ninguem nem dificultava a passagem a qualquer peao ou pessoa de mobilidade reduzida, pois o passeio tem mais de 5 metros à vontade e ela estva encostadinha à parede. Mas lá está, como diz o Zé Paulo, a lei diz que é proibido e ponto final.
Cumprimentos
avatar
TrAnsAlper
Admin
Admin

Número de Mensagens : 8304
Masculino
Idade : 45
Data de inscrição : 11/09/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Ex-TrAnsAlp XL 650 V
Kms: 63.000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  TrAnsAlper em Ter 15 Jun 2010, 09:54

Esqueci-me de escrever mas como é óbvio, e o Zé Paulo já referiu estes parques de estacionamento são gratuitos.Todos eles em zonas de parques pagos para automóveis.

Cláudio, infelizmente muitas autarquias esquececem-se dos utilizadores de duas rodas.E às vezes resolviam essa questão do estacionamento das motas duma forma bem simples.Basta suprimir um lugar de estacionamento para carros e "transformá-lo" num parque para 5 ou 6 motos.Sinalizando-o e fazendo as devidas marcas no chão...Simples.

Um abraço e boas transalpadas.


=================================================================================================================

   Ondavis-Viseu
"Não sei para onde vou mas estou a caminho!"
avatar
Potransalp
1ª engrenada
1ª engrenada

Número de Mensagens : 156
Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 09/10/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL 650 V
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Potransalp em Ter 15 Jun 2010, 23:18

Interessante tópico...


Em relação ao tema do estacionamento de motas tenho uma duvida já há algum tempo: sabem se, não havendo lugares para motas, podemos estacionar em lugares ditos "de carros" com estacionamento pago (com parquímetro)? O código fala deste assunto?

Na zona do Marquês de Pombal, onde trabalhei no ano passado a falta de estacionamento para motas era (e é...) constante! Eu diria que existem 20 ou 30% dos lugares necessários... E os espaços marcados para motas estavam de tal modo "à pinha" que quem não metia lá a mota era eu!


Abraços,

Potransalp


off-topic: Já agora, até hoje, só tenho tido boas experiências com a "autoridade"... das
poucas vezes que fui apanhado em infracção fui sempre desculpado. Uma delas foi sem capacete... na outra fiz 3 contra-ordenações em menos de 1 minuto! O senhor agente é amigo!
avatar
RainMaker
Moderador
Moderador

Número de Mensagens : 1739
Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 13/02/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL650V RD10
Kms: 60.000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  RainMaker em Ter 15 Jun 2010, 23:23

TodayAdventure escreveu:Rain,

Essa é uma bela história de cultura portuguesa. Smile As coisas por aqui têm uma forma sui generis de se fazerem. E, desculparás, Rain, tanto é patusca a autoridade como o cidadão comum. Very Happy Patusco o cidadão que acha que tem direito a uma "tolerância dos 5 minutos" e a autoridade que, geralmente tolerante perante pequenas infracçõezinhas como a que descreves, de vez em quando se afiambra a uma multazita quando está de mau humor e de tolerância zero. Pergunto: não tinhas um cantinho perto para estacionar legalmente, já que os gajos andavam por perto?

Zé Paulo.

Tinha, e era o que deveria ter feito, agora, já com alguma (pouca) mais experiência tento sempre deixar melhor estacionada um pouco.

No entanto eu também sou de acordo quando se diz que a Autoridade, na minha opinião, podia, e deveria, ser mais didática, isto é, todos nós sabemos perfeitamente que é proibido estacionar, mas, estacionamos porque, entre muitas outras razões, não estamos a prejudicar a circulação de peões ou a causar qualquer outro transtorno, mas, ao sermos confrontados com a situação de certeza que começaríamos a agir de outra forma, eu pelo menos assim o fiz, acho é que a má fé com que se preparavam para agir não é certa, apenas isso.

Outra coisa engraçada que me aconteceu hoje, mais ou menos sobre este assunto da autoridade.

Passei hoje de manhã por dois Guardas Republicanos, cada um na sua XT, e quando olho para trás não é que um deles tinha a luz apagada ?!
Fiz-lhe sinal de que tinha a luz desligada e parei mais à frente num STOP, cerca de 60 metros quando olho pelo retrovisor vejo que o agente da autoridade estava parado, sentado na mota, a olhar por cima do guiador a confirmar, juntamente com o colega, arranquei e mais à frente, estava eu parado num semáforo, não é que reparo que lá vinham os dois agentes, e a luz continuava desligada, pergunto eu, se nos acontecesse a nós sermos mandados parar e respondêssemos "olhe sr. agente, peço desculpa mas de facto não tinha reparado que tinha a lâmpada fundida.", o que seria que nos responderiam ? deixariam passar a ilegalidade em branco ? e neste caso em concreto, não teria sido obrigação do GNR (com a lâmpada em condições) multar o colega que seguia continuadamente em infracção ?

RainMaker

P.S. Today : claro que desculpo pá ! Smile


=================================================================================================================

Voltinha por Portugal Setembro 2010

Italy Calling 2009

http://italycalling.blogspot.com/
avatar
RainMaker
Moderador
Moderador

Número de Mensagens : 1739
Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 13/02/2008

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL650V RD10
Kms: 60.000

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  RainMaker em Ter 15 Jun 2010, 23:28

Potransalp escreveu:
off-topic: Já agora, até hoje, só tenho tido boas experiências com a "autoridade"... das
poucas vezes que fui apanhado em infracção fui sempre desculpado. Uma delas foi sem capacete... na outra fiz 3 contra-ordenações em menos de 1 minuto! O senhor agente é amigo!

Continuando um pouco no teu ófe tópike, eu também já tive situações em que os agentes da autoridade foram compreensivos com a situação, curiosamente muito mais os Guardas Nacionais Republicanos (que 99% das vezes entenderam a situação em que me encontrava) do que com agentes da Policia de Segurança Pública, com estes últimos sempre que puderam zelar pelo cumprimento da lei, assim o fizeram, sem contemplações. Será que nas escolas que frequentam têm metodologias diferentes ?

Atenção : sou o primeiro a dizer que em todas as profissões há bons e mais profissionais, e ser agente da autoridade não é fácil nos dias que correm, quase só lhes falta agora pagar para trabalhar, mas acho que quantos mais melhores profissionais melhor para todos Smile

RainMaker


=================================================================================================================

Voltinha por Portugal Setembro 2010

Italy Calling 2009

http://italycalling.blogspot.com/
avatar
Potransalp
1ª engrenada
1ª engrenada

Número de Mensagens : 156
Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 09/10/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: XL 650 V
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Potransalp em Ter 15 Jun 2010, 23:59

No meu caso uma das situações foi com um PSP e a outra com um GNR. Apesar de não estar a pôr em causa a segurança dos outros, as duas situações seriam graves o suficiente para não terem de pensar duas vezes...

A única "desculpa" que dei foi "era só uma voltinha aqui na terra batida" no caso em que fui apanhado sem capacete, e "estou mesmo atrasado para entregar este projecto..." no caso das 3 transgressões num minuto... Ambas as "desculpas" eram verdadeiras. Como estava tudo em ordem com os documentos, piscas, etc, lá me deixaram seguir... Agradeci e disse que não voltaria a acontecer. E não voltou.

Concordo contigo Rain, ser policia em Portugal não é nada fácil.


Potransalp
avatar
Transouto
O Pai do Forum
O Pai do Forum

Número de Mensagens : 5386
Masculino
Idade : 41
Data de inscrição : 11/09/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Transalp XL 650 V/2006 /Africa twin 2016
Kms: 32 000 km(+ 100 000km) /17 000km

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Transouto em Qua 16 Jun 2010, 11:22

Oh Rainmaker, tu pôes-te a acusar os GNR'S e depois não queres ser multado.... Tem lá cuidado....

V


=================================================================================================================

Transalp é Transalp e mai nada..

RaspaPatins
Mota ligada
Mota ligada

Número de Mensagens : 89
Masculino
Idade : 45
Data de inscrição : 18/10/2007

A Mota
Marca Mota:
Modelo Mota/ano:
Kms:

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  RaspaPatins em Qua 16 Jun 2010, 21:29

Eu gostava era de ter uma boa conversinha com o Rui Rio pq, estacionamento para motas no Porto é coisa de pássaro raro, só mesmo na baixa junto ao Banco de Portugal. Na Torre das Antas por exemplo, onde trabalho e tem a loja do cidadão, estacionava mesmo no corredor entre a entrada da loja e a entrada da torre. A única vez que fui multado aí foi pq o paneleiro do responsável do condomínio foi fazer queixinhas. O guarda nunca meteu a multa, deixou só o recibo. O que chateia é que pura e simplesmente não há sítio adequado para estacionar motociclos.
avatar
Transouto
O Pai do Forum
O Pai do Forum

Número de Mensagens : 5386
Masculino
Idade : 41
Data de inscrição : 11/09/2007

A Mota
Marca Mota: Honda
Modelo Mota/ano: Transalp XL 650 V/2006 /Africa twin 2016
Kms: 32 000 km(+ 100 000km) /17 000km

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Transouto em Qua 16 Jun 2010, 21:54

RaspaPatins escreveu:..O que chateia é que pura e simplesmente não há sítio adequado para estacionar motociclos.

nem para se deixar o papelinho da multa ou o papel do parquímetro...

V


=================================================================================================================

Transalp é Transalp e mai nada..

Conteúdo patrocinado

Re: Estacionar no passeio

Mensagem  Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Dom 23 Set 2018, 04:18